segunda-feira, 12 de maio de 2014

A Copa na cidade dos puritanos

Amigos e amigas, Atleticanos e Atleticanas, hoje abro espaço para um texto de um amigo Atleticano, o qual acredito ser muito interessante. Acompanhe na íntegra !!!

A Copa na cidade dos puritanos

Eu fico muito triste com o nosso povo (não todos, só a maioria) que acredita que devemos viver sem entretenimento e arte. Tenho a impressão de que a maioria se contenta apenas com a (bela, porém não única) missão de ser um estado agrícola e industrial. Diversão? Não, isso é coisa de 'desocupado'. Arte? Coisa de 'vadio'. Em várias outras capitais, esse sentimento de sermos apenas mão de obra existe também, mas com menor intensidade. Aqui, ele é tatuado na testa das pessoas: 'aqui, se trabalha'. Ponto e só.

Sempre fui a favor da Copa em Curitiba (sou catarinense). Independente de ser no Joaquim Américo (lógico, como Atleticano, que isso me orgulha, mas é outra história...), poderia, se fosse o caso (nunca foi) ser no Couto Pereira. Clubismo a parte, para a cidade, a Copa é importante. Menos do que entendemos, como um todo. E isso é lamentável. Percebo aqui, sobretudo na nossa cidade, um 'amor ao catastrofismo e ao derrotismo', que a nossa impressa traduz em 'crítica social': hospitais, estradas, educação, infra-estrutura, etc, tudo é culpa 'do estádio do Atlético'.

Antes de 2007, quando a Copa era uma possibilidade, vivíamos em uma Finlândia ou em uma Dinamarca: bastou anunciar a 'Copa na Arena' que Curitiba virou Botsuana. Transformara os 'nossos formadores de opinião', socialistas de 'Camisa do Che e Nike no pé', a 'oportunidade' em 'despesa'. Evidente que existiriam problemas: estamos no país da burocracia do absurdo, na nação de 42% de carga de imposto, onde a corrupção está nos outros, não nos nossos 'cenzão' para liberar uma multa, nos nossos 'windows pirata', etc. Isso é tolerável, afinal é uma 'distribuição de renda informal'. Socialismo x Capitalismo: a anacrônica guerra fria das araucárias.

Então não vamos falar dos salários dos operários de todas as obras, da movimentação da nossa indústria, do setor de serviços, turismo, transportes. Ninguém conseguiu nada com as obras da cidade. Tudo foi prejuízo. Ninguém vem ver os jogos. Ninguém voltará depois da Copa, as obras do Aeroporto, por exemplo, serão inúteis depois do evento. Evidente que poderia haver MUITO mais obras e poderíamos lucrar MUITO mais com a Copa em Curitiba. Mas pensar nesta possibilidade? Coisa de gente alienada, que não vai para a rua protestar contra. Não importa contra 'o que'. Com clima de velório e sorrisos com câimbra dos derrotistas em meio a festa, torço pelo bem da nossa cidade. Torcemos. Somos a minoria de 'alienados'... Durma-se com um barulho desses. Eu durmo.

Autor: Charles Fernando da Silva

Amigos e amigas, por favor, não vamos cair nessa !!!! Hoje tudo é culpa da Copa e ano que vem ??? Aposto que será das Olimpíadas de 2016 !!! 

Saudações rubro-negras !!! 

Que Deus te abençoe salvando você e sua família !!!

Leonardo Garcia Dias

Twitter do Blog: @BlogMFA !!!

Curtam "O Mundo dos Atleticanos" no Facebook !!!

Participe do Grupo "O Mundo do Futebol e dos Atleticanos" no Facebook !!!

Assistam os vídeos no canal do YouTube !!!

3 comentários:

  1. Falou tudo ta de parabens eh nois poh tamo junto

    ResponderExcluir
  2. Como faço pra ajudar vocês no blog, no canal do YouTube ou algo do tipo?

    ResponderExcluir